sexta-feira, 22 de maio de 2009

Mar adentro


Mar adentro, mar adentro
rendem-se medos e sonhos
sob o peso das estrelas
entre o inferno dos vivos
e o céu dos teus olhos.


22 de Maio, 2009


"Mar adentro, mar adentro,
y en la ingravidez del fondo
donde se cumplen los sueños,
se juntan dos voluntades
para cumplir un deseo.
Un beso enciende la vida
con un relámpago y un trueno,
y en una metamorfosis
mi cuerpo no es ya mi cuerpo;
es como penetrar al centro del universo:
El abrazo más pueril,
y el más puro de los besos,
hasta vernos reducidos
en un único deseo:
Tu mirada y mi mirada
como un eco repitiendo, sin palabras:
más adentro, más adentro,
hasta el más allá del todo
por la sangre y por los huesos.
Pero me despierto siempre
y siempre quiero estar muerto
para seguir con mi boca
enredada en tus cabellos."
Ramón Sampedro

7 comentários:

Claudio Godi disse...

Mais que uma intertextualidade, dois poemas que alimentam-se dos mistérios do mar e os seus reflexos e metaforizações no ser humano. Não só o "céu" dos olhos do amado o eu-lírico expõe, assim como sugere uma possivel esperança nele. Parabéns. Beijos e saudações de Claudio.

Anónimo disse...

cada estrofe que leio,
cada verso,
sempre pungente;

os tais que levam
"Mar adentro,mar adentro"
A nau pensante,
sossegada e puéril,
a porto seguro.

Parabéns, um beijo

Bruno

sfich disse...

Tu mirada, hacia la mar, me provoca celos; aún así me gusta...
sfich

«amo el amor de las marineras; que besan y se van»
Pablo Neruda

João Videira Santos disse...

Um poema na língua de Cervantes, tem, também, o seu encanto...

Um Olhar disse...

Este cantinho é uma passagem secreta para a beleza da vida, gosto de te ler...

GBjo

Fatima

sfich disse...

Adoro o teu «mar adentro»
de marés-vivas que eu li...
Pois, por esse mar adentro,
há mar a bramir por dentro
d'outro mar, dentro de ti.

O mar me encanta completamente... disse...

Saudades poeta,
Fico feliz demais ao ver sua obra literária...
O mundo blogueiro só tem a ganhar com sua presença e escritos dignos
do grande poeta que vc é, de fato.
Há alguns dias não vinha aqui, aproveitei e me alimentei de
uma farta porção de sua inspiração...
Hoje vim te ler, e compartilhar com você um presente:
Sou a poetisa da semana no Blog do VALTER POETA e
é claro, gostaria que lesse, e caso queira, opine.
É sempre pra mim um prazer e uma honra saber sua concepção,
sua opinião, seu parecer.

Te espero...

http://valterpoeta.blogspot.com


Beijinhos... Glória